Título: Não Pare!
Para se sentir vivo, você entregaria sua vida nas mãos da morte?
Autora: FML Pepper
Editora: Valentina
Formato ebook
Classificação: 5/5

Um dos melhores romances sobrenaturais que tive o prazer de ler (na verdade continuo lendo porque estou no livro 2). Sempre li comentários dessa trilogia em vários IG e blogs, já tinha despertado o interesse em lê-la e agora me pergunto o por quê de ter demorado tanto.

Não Pare! é o primeiro livro da trilogia, narrado em primeira pessoa por Nina Scott, uma adolescente prestes a completar 17 anos que nunca teve uma vida normal. Sua mãe, Stela, vivia se mudando, de país em país, sempre que sentia que Nina corria perigo de alguma forma. Nina via isso como superproteção e exagero da mãe e tudo que queria era criar raízes em algum lugar, fazer amizades verdadeiras e poder pleitear um futuro (faculdade, relacionamentos, etc).

“Eu não aguento mais isso! EU NÂO VOU! – explodi. Excluída. Diferente. Solitária. Infeliz. Como minha mãe poderia achar normal vier entre vinte cidades e países diferentes num curto intervalo de dezessete anos? Por que tinha que ser assim?”

Também se considerava muito azarada já que sempre era vítima de situações perigosas que poderiam levá-la a morte, como a queda de um andaime em cima de si, acidentes de carro, facas desgovernadas de uma artista de rua, sem contar os constantes calafrios e desmaios que vinham sempre juntos desses acidentes, será que isso tudo seriam somente golpes de azar?

“...eu estava ficando preocupada. Não poderia ser só azar. Tinha que haver alguma explicação para todos aqueles “quase” acidentes em minha vida, mas me faltava coragem para enfrentar minha mãe. Stela com certeza devia saber de alguma coisa, mas, se eu resolvesse perguntar, obviamente ela perceberia que algo havia acontecido e com incrível rapidez estaríamos mudando para outra cidade ou país. E eu não aguentava mais aquela vida de errantes.”

Depois de um desses incidentes em Amsterdã, sua mãe logo conseguiu um trabalho em Nova York, pra onde se mudaram de imediato. Dessa vez Nina decidiu que independente do que acontecesse, não se mudariam mais, lutaria por sua vontade de permanecer ali, arrumou um emprego e fez amizades.

Bem quando ela achou que iria viver uma vida normal como todas as garotas de sua idade é que esse mundinho começou a ruir, a escola passou a ser frequentada por alunos novos, misteriosos (e lindos!), que sempre estavam esbarrando em Nina de alguma forma.

A partir de então começamos a ter respostas de algumas indagações que fazemos no começo do livro, se Nina é realmente uma adolescente normal, o por quê de sua mãe ser tão fissurada em sua proteção e por isso se mudam tanto, por que ela tem desmaios e por que ela sofre tantos acidentes, será que são “acidentes”? Mas do mesmo jeito que temos algumas respostas, mais dúvidas surgem, quem é o pai de Nina, onde ele está? E por mais que eu queira matar toda essa curiosidade, fico aliviada porque ainda temos mais dois livros dessa envolvente história.

É um livro cheio de aventuras e ação do jeito que nos prende do início ao fim, a gente fica sobre forte expectativa durante toda a leitura, principalmente quando se trata do proibido e eletrizante romance entre Nina e sua “morte”. Ops, sem spoilers né galera?! É algo novo, super diferente dos romances juvenis e sobrenaturais lançados atualmente.

“Há pouco mais de um mês, eu nunca havia pensado em como morreria. Paradoxalmente, a Morte surgiu em meu caminho e, junto com todos os horrores, ela me trouxe felicidade, vida. A vida que eu jamais imaginaria ter. Infelizmente, com uma mão ela me acariciava e, com a outra, me ceifava. A lâmina da foice, entretanto, não era fria e cortante, mas ardente e arrebatadora.”

Por falar em romance, não dá pra saber direito quem é mocinho e quem é o bad boy da história, se é que existe o mocinho e se o cara mau é tão mau assim. Só sei que me apaixonei por Richard e seus olhos azuis de cara!

“..algo nele me dava medo, mas também me intrigava de modo irracional. Suas feições eram rudes, porém incrivelmente interessantes. Seu semblante num instante estava aéreo, noutro alerta, e parecia perceber que eu o observava, inclinado-se em minha direção. Se seus olhos não estivessem escondidos atrás daqueles óculos, eu poderia jurar que me fuzilavam com ferocidade. O ladrãozinho de balas me encarava. Provavelmente queria me enfrentar. Senti minha visão ficar turva e o calafrio se espalhar pelo meu corpo. Não! Não vou desmaiar agora!”


Aff, a verdade é que me apaixonei por tudo, pela estória inteira, do começo ao fim! Super indico essa leitura, a querida FML Pepper não deixou a desejar, é uma escrita inteligente e fluida. Eita literatura nacional que está cada vez mais linda! Se você gosta dessa combinação perfeita de ação, romance e adrenalina não pode deixar de ler essa trilogia! E claro deixe seu comentário pois é super importante pra gente!


8 Comentários

  1. Que capa magnífica!!!!!!

    Amei a resenha Susy, parabéns.

    Você me deixou com gosto de quero mais, que quero ler a trilogia o mais rápido possível. Eu sou louco por esse estilo de livro.

    Parabéns a autora por esse belo trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Di eu super lembrei de vc quando estava lendo! Vc vai amar!

      Excluir
  2. Uau, Susyane!

    A resenha ficou lindíssima!
    Beijocas,
    Pepper

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico contente que tenha gostado da resenha! Quando gosto muito do livro acho tão difícil resenhar sem dar spoilers rsrsrs acabei hoje o último livro e aff, tô super na deprê pós livro, não queria que acabasse! Parabéns pela trilogia, é simplesmente fantástica! Que venham outros bjo bjo bjo

      Excluir
  3. Ooooi! Já ouvi falarem bastante sobre esta trilogia, mas ainda não arrumei tempo para ler. E se tratando de um nacional, é um orgulho ver que está crescendo <3 Ótima resenha! Só tenho uma dúvida: tem algum triângulo amoroso? Definitivamente não gosto deste tipo de coisa, e também acho mega chato, a leitura não flui para mim.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ruhh! Acho que vc vai amar o livro e não, não tem nenhum triângulo, a Nina tem mtos pretendentes mas só um é recíproco! Mas o amor deles não é fácil! Bjo

      Excluir
  4. Gente, acho que já achei minha leitura sobrenatural do mês — mesmo eu não sendo lá fã desse gênero
    Bjs Susy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Frann! O livro é fantástico! Pode ler mesmo!

      Excluir

Ola divirta-se fica a vontade sua opinião é muito importante para nossa equipe
bjks até a proxima. *-*

Topo